A autora inglesa usou cidades do interior de Londres para ambientar seus romances , e assim transportou sua realidade para o mundo

Você conhece esses nomes:  Peak District, Chawton, Portsmouth, Winchester e  Bath¿ Estas são cidades onde Jane Austin criou histórias, personagens e romances que fazem parte da mais clássica literatura inglesa.  Se você gosta de ler, com certeza conhece os livros “Orgulho e preconceito” (1813), “Razão e sensibilidade” (1811), “A abadia de Northanger” (1818), “Emma” (1815), “Persuasão” (1818) e “Mansfield Park” (1814). Todo este universo foi criado nas ruas de cidades interioranas onde Austin descreveu a época e o estilo de vida.

Inspirados nesses romances arrebatadores, criamos um pequeno roteiro por cada cidade citada nos livros.

Bath

É uma província do Condado de Somerset conhecida por suas termas criadas pelos romanos por volta de 80 DC. Jane Austin morou na cidade durante cinco anos de sua vida, onde escreveu os romances “Persuasão” e “A Abadia de Northanger”.

Todos os anos a cidade organiza um festival que dura cerca de 10 dias onde os turistas e moradores podem voltar no tempo. As pessoas se vestem com as roupas do século descrito nos livros e encenam os personagens. São feitos desfiles, concursos de fantasias, leituras ao ar livre e muitas outras atividades.

Também é possível visitar na cidade o Jane Austen Center que fica na Gay Street, e alugar roupas de época em diversas lojinhas espalhadas pela cidade. A cidade fica a 186 quilômetros de Londres.

Peak District 

Fica cerca de 230 quilômetros de distância de Londres, e ao norte fica o Condado de Derbyshire. A região é dona de uma linda paisagem com colinas, vales, lagos e vilarejos. Lá em Chatsworth você poderá visitar uma das mais bonitas construções do século passado. Historiadores acreditam que Chatsworth serviu de inspiração para Austin criar Pemberley, a mansão de Mr. Darcy em “Orgulho e Preconceito”.

Inclusive no filme sobre o livro, rodado em 2005, a mansão foi usada como cenário. Hoje a propriedade é aberta para visitação e tem até restaurante e outros comércios para atender aos visitantes.

Chawton 

É uma pequena vila e paróquia que fica no Distrito de Hampshire, localizada dentro do Parque Nacional de South Downs a uns 85 quilômetros de Londres. É onde a escritora viveu seus últimos oito anos de vida com sua família, e escreveu os livros “Razão e sensibilidade”, “Orgulho e preconceito”, “Mansfield Park” e “Emma”.

Atualmente a casa virou um museu aberto à visitação o ano inteiro com um grande e detalhado acervo.

Portsmouth 

Também uma cidade do Distrito de Hampshire, fica a 120 quilômetros de Londres, onde é ambientada a história de “Mansfield Park”. Austen se inspirou sobre o lugar por conta do treinamento dos irmãos para a Marinha Real.

Ainda hoje a cidade preserva a atmosfera do século XIX, os turistas podem se encantar visitando as ruelas e a região portuária.

Lyme Regis

É uma cidade costeira está localizada no Condado de Dorset e fica na costa do Canal da Mancha. Austen se inspirou na antiga muralha do porto da cidade para escrever a cena do final feliz de Anne Elliot e Frederick Wentworth em “Persuasão”.

A muralha continua de pé até hoje, e é um dos pontos turísticos mais visitados. A visita vale a pena pela linda paisagem e história do lugar.

Winchester

A maior cidade deste roteiro fica ao sul da Inglaterra, é capital do Condado de Hampshire, e atualmente têm em média 35 mil habitantes.  Austen procurou tratamento médico em Winchester, onde morou em uma casa na College Street. Ela foi enterrada no corredor norte da catedral da cidade.

Foto: Divulgação