O Circuito oferece série de atrativos como visita ao maior santuário nacional católico, estadia em um dos hotéis históricos da região, culinária típica e visitas a lugares de peregrinação.

É possível visitar e conhecer o Circuito o ano inteiro, visitando o Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, a Igreja de Frei Galvão, a sede da Canção Nova, o Santuário do Pai das Misericórdias, entre outros, já que o Vale do Paraíba tem posição geograficamente privilegiada, cercado por suas exuberantes reservas ambientais como a Serra da Mantiqueira e o litoral. A região possui uma diversidade de belezas e atrações para serem desfrutadas tanto por crianças quanto adultos.

Os roteiros permitem conhecer peculiaridades regionais, com destaque especial para a gastronomia regional. São comidas típicas que valorizam temperos locais, preparos artesanais e ingredientes peculiares das cidades do entorno.

Em Aparecida os turistas podem fazer um passeio de teleférico com visita ao mirante, visitar o Museu de Cera, a Igreja Matriz, a Torre da Basílica, a feira livre e o Morro do Presépio.

Em Guaratinguetá é possível visitar os pontos principais que são os locais que fizeram parte da história de Santo Antônio de Sant’Anna Galvão, o Frei Galvão. O primeiro santo brasileiro a ser reconhecido pelo Vaticano possui algumas atrações na cidade, como um conjunto arquitetônico dedicado a ele: a Casa de Frei Galvão, o Memorial e o Museu.

Em Cachoeira Paulista vale a pena visitar a sede da Canção Nova, o Santuário Pai das Misericórdias, o Santuário Nacional de Santa Cabeça e a Capela São Bento, além da Estação Ferroviária da Central do Brasil, o Pontilhão de Ferro, o Teatro Municipal, o Parque Ecológico Nelson Lorena e o Museu Doutor Costa Junior, o Mirante Padre Léo. A Cachoeira da Bocaina, localizada no Rio Bravo, com 80 metros de altura é parada obrigatória.

Foto: divulgação